FRASE

"O que é escrito sem esforço é lido sem prazer." (Samuel Jonhson).

8 de abr de 2018

FILMES QUE MERECEM SER VISTOS

BELEZA AMERICANA

(American Beautt)

Quando um filme começa com a narração de um homem de meia-idade dizendo que morrerá dali a um ano, sabemos que vamos assistir a algo inusitado.Lester Burnhan (Spacey) é um requintado americano branco de classe média, preso a uma vida que a esvaziou de toda a paixão e entusiasmo. Por fora, ele tem tudo para ser investigado: uma grande casa, um grande estilo de vida, uma esposa atraente (Bening) e uma filha, mas à medida que “cavamos” por baixo da superfície, percebemos que a vida doméstica de Burnhan não é um mar de rosas. Seu casamento arruinou-se, transformando-se em um conjunto de comentários maliciosos e sarcasmos. Já sua filha é indiferente a ele – uma ofensa bem maior do que o ódio e a rebeldia – até o dia em que ele atrai a atenção de sua bela amiga (Suvari). E isso é justamente o que ele precisa para dar à sua triste existência uma dose de excitação e um objetivo.Este filme, símbolo dos anos 1990, foi a estreia de Mendes como diretor. Ele expressou as repressões da vida suburbana dos Estados Unidos, espreitando pelas cortinas e investigando a vida dos personagens de forma invasiva. A obsessão sexual na vida moderna de Lester é mais um chamado para o despertar do que uma caçada realista. O que dá a ele um sopro de excitação, o qual ele já havia experimentado quando a vida fazia mais sentido. Nesse meio-tempo, sua insatisfeita esposa tem um caso com um corretor cafajeste, e sua filha se envolve com o garoto estranho do outro lado da rua, que fica filmando de seu quarto. Aos poucos, o bairro, aparente calmo, revela-se em toda a sua nudez, interessante e fria.Embora a premissa do filme seja descobrir quem assassinou Lester, isso não é tão importante. A razão de sua morte e o caminho que leva cada personagem na direção do motivo são os assuntos mais intrigantes.(Fonte: Filmes que merecem ser vistos, Larousse)
EUA 1999.DIREÇÃO: Sam Mendes.ELENCO: Klevin Spacey, Annette Bening, Throra Birch, Wes Bentley, Mena Suvari.ROTEIRO: Alan BallFOTOGRAFIA: Conrad L. Hall.PRODUTORES /COMPANHIAS PRODUTORAS: Dan Jinks, Bruce Cohen, Alan Ball, Stan Wlodkwowski/DreamWorks SKG, JInks/ Cohen Company.PREMIAÇÕES DA ACADEMIA (2000)MELHOR ATOR PRINCIPAL: Kevin SpaceyMELHOR FOTOGRAFIA: Conrad L. Hall.MELHOR DIRETOR: Sam Mendes.MELHOR FILME: Bruce Cohen, Dan JinksMELHOR ROTEIRO ORIGINAL: Allan Ball.OUTRAS INDICAÇÕES DA ACADEMIAMELHOR ATRIZ PRINCIPAL: Annette BenningMELHOR EDIÇÃO: Tariq AnwarMELHOR MÚSICA/TRILHA SONORA ORIGINAL: Thomas Newman.  




Nenhum comentário:

Postar um comentário